Investir a primeira parcela do 13º salário: a importância de fazer seu dinheiro render

Compartilhe

Chegou o mês de junho e, com ele, a tão esperada primeira parcela do 13º salário. É um dinheiro extra que muitos trabalhadores recebem nessa época do ano e que pode ser uma ótima oportunidade para investir e fazer seu dinheiro render. Mas se você não sabe por onde começar a investir a primeira parcela do 13° salário, a gente vai te ajudar.

Afinal, todo mundo espera um bom retorno de investimento, mas para ter esse retorno positivo é preciso aplicar com segurança. Nesse sentido, uma boa opção é o RDC (Recibo de Depósito Cooperativo).

Leia também: RDC: investimento com rentabilidade e segurança

Por que investir a primeira parcela do 13º salário?

  • Planejamento financeiro: Investir o dinheiro do 13º salário pode contribuir para um planejamento financeiro mais eficiente, ajudando a alcançar metas de longo prazo, como a compra de um imóvel.
  • Evitar gastos impulsivos: Ao investir o dinheiro extra, você evita a tentação de gastá-lo em compras desnecessárias ou supérfluas. Em vez disso, você coloca seu dinheiro para trabalhar para você. Assim sendo, investir a primeira parcela do 13° pode ser a melhor opção para quem não precisa utilizar o valor de imediato.

Como escolher o melhor investimento?

  • Objetivos financeiros: Antes de escolher onde investir, é importante ter clareza sobre seus objetivos financeiros. Deseja um retorno a curto ou longo prazo? Quais são suas tolerâncias ao risco?
  • Diversificação: Ao investir a primeira parcela do 13°, considere diversificar seus investimentos. Isso reduz o risco e aumenta as chances de obter um retorno satisfatório.
  • Rentabilidade: Avalie a rentabilidade histórica dos investimentos disponíveis, bem como as perspectivas futuras.

O que é o RDC (Recibo de Depósito Cooperativo)?

O RDC é uma opção de investimento oferecida por cooperativas de crédito, que são instituições financeiras cooperativas controladas pelos próprios associados. No RDC você aplica seu dinheiro numa cooperativa de crédito, e ela te remunera conforme a taxa de rendimentos escolhida no momento da aplicação. Por ser um aplicação de renda fixa é possível, mesmo antes da aplicação, ter uma base do quanto aquele dinheiro vai te render naquele período

  • Segurança e garantias: O RDC oferece segurança aos investidores, pois é garantido pelo Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop), que protege até determinado valor investido.
  • Taxas atrativas: O RDC geralmente oferece taxas de juros mais competitivas do que as oferecidas por bancos tradicionais, proporcionando um rendimento interessante para seu dinheiro.
  • Acesso fácil: O RDC é uma opção de investimento acessível, e muitas cooperativas de crédito oferecem serviços online, facilitando o acompanhamento e a gestão dos seus investimentos.

Você também pode gostar: Como fazer dinheiro render de forma simples e segura

Vantagens do RDC como opção de investir a primeira parcela do 13º salário

  • Rentabilidade: O RDC oferece a oportunidade de obter uma rentabilidade maior do que a poupança ou outros tipos de investimentos. Tudo vai depender da taxa CDI nos dias da aplicação.
  • Liquidez: Dependendo do prazo escolhido, é possível ter acesso ao dinheiro antes do vencimento, caso surja uma emergência. No entanto, você pode não receber todo o rendimento previsto.
  • Cooperativismo: Investir em uma cooperativa de crédito significa apoiar um modelo de negócio mais justo e cooperativo, em que os associados são os principais beneficiários das operações. É importante lembrar que para investir a primeira parcela do 13° salário no RDC, você precisa ser associado de uma cooperativa de crédito. Quem realiza aplicações na cooperativa aumenta a participação na distribuição das sobras. 

Ao receber a primeira parcela do 13º salário, considere a importância de investir esse dinheiro e fazer com que ele trabalhe para você. O RDC, como mostramos aqui, é uma excelente opção de investimento, oferecendo segurança, taxas atrativas e facilidade de acesso. No entanto, lembre-se de avaliar suas necessidades, objetivos financeiros e buscar orientação adequada antes de tomar qualquer decisão de investimento. Aproveite essa oportunidade para dar um impulso na sua vida financeira e construir um futuro mais próspero!


E aí, gostou do nosso conteúdo? Assine nossa newsletter para receber em seu e-mail os próximos posts e compartilhe no WhatsApp, Facebook ou LinkedIn.

E aí, gostou do nosso conteúdo? Assine nossa newsletter para receber em seu e-mail os próximos posts e compartilhe no WhatsApp, Facebook ou LinkedIn.

Assine e receba conteúdo exclusivos no seu e-mail

Siga-nos nas redes sociais

Leia também